Aston Martin WEC

Entrevista a Fernando Rees, Motorista WEC

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

Fernando Rees é a seguinte entrevistado por Mad Motor. Fernando é um piloto brasileiro que participa do Campeonato Mundial de Endurance (WEC) FIA com Aston Martin e tivemos o prazer de entrevistar um pouco antes da última corrida do campeonato, que, aliás,, É em seu país.Fernando Rees

Atenta às suas respostas que mostram como um cara humilde chegou longe, eo que permanece!

LDM: Fernando, você poderia explicar como tudo começou? Por que você se tornar um piloto profissional?

FR: Tudo começou em 1993. Ayrton Senna era o meu herói, e eu perguntei aos meus pais fizeram para chegar onde ele estava. Em seguida, meus pais me levaram Kartódromo de Interlagos para uma carreira. É onde Ayrton começou, e eu tive a oportunidade de ver os filhos jovens como eu também começando. Depois disso, que era a minha missão, pilotar karts. E eu tirei a partir do próximo ano.

LDM: Por que você escolheu corridas de endurance?

FR: Porque neles o piloto tem um impacto maior do que na Fórmula 1 e na maioria das outras competições em que a tecnologia dita quase tudo. Para pessoas como eu, Eu não tinha uma fortuna para queimar em execução ou apoiar uma grande empresa com centenas de milhões para comprar um assento paraAston Martin WEC 2a partir de 1, Esta é a única maneira de se tornar um piloto profissional e ter uma carreira no automobilismo.

LDM: O que é mais importante em corridas de endurance, o corpo ou a mente?

FR: Ambos igualmente. Se eles não são equilibradas, afectar negativamente uma sobre a outra. Você deve ter um equilíbrio ideal entre, e não é fácil de conseguir.

LDM: Como você se prepara suas corridas?

FR: Como não podemos fazer muitas teste com carro, como na outra das principais disciplinas, deve preparar um monte no ginásio, porque é a melhor alternativa. Eu adoro correr tanto como piloto, portanto, Isso me ajuda muito. Formação em longas distâncias. Também treinos normais no ginásio 4 vezes por semana, e hoje existem boas ferramentas para treinar nossos reflexos usando determinados jogos de vídeo ou simuladores.

LDM: Você preferiria, ganhar a corrida em seu país ou vencer Le Mans?AUTO - WEC 6 HORAS DE FUJI 2014

FR: Difícil de responder, para ser sincero. Eu não sei. Ambos seria incrível. Nenhum brasileiro nunca venceu em Le Mans, seria algo especial para ser o primeiro a.

LDM: Como você irá abordar a questão racial no Brasil?

FR: Última corrida do ano, não podemos ganhar ou perder muito em termos de classificação, por isso a corrida que vai aproveitar a oportunidade para conseguir um bom resultado no final.

LDM: Você já esteve em diferentes campeonatos e países, Quando e onde você acha que já aprendeu mais?

FR: Este certamente. Nesta equipe e neste campeonato. É campeonato mais alto nível no mundo do automóvel, e eu sou um dos melhores times. Não há melhor maneira de aprender.

Aston Martin WEC 3LDM: Você é um perito e um dos melhores pilotos do WEC, Quem você acha que é o melhor piloto no momento?

FR: É muito difícil dizer, pois você nunca sabe ao certo o que os outros fazem em outros computadores. Mas, tanto quanto eu posso julgar, Nicki Thiim siempre me Impresiona.

LDM: Qual foi o seu melhor momento no WEC?

FR: Quando eu ganhei o campeonato mundial em 2012. Muitas boas corridas!

LDM: Têm planos confirmados 2015? ¿Mundial de Endurance novamente?

FR: Sim Planos, mas ainda não confirmada. Espero continuar no WEC, no mesmo computador e.

Muito obrigado Fernando! e espero vê-lo no próximo ano, ao volante do Aston Martin!

Adrián Osés, Locos Motor.

 

 

 

 

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

Outros itens da web

Locos motor
Autor: Locos motor Webmaster www.locosdelmotor.com